terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Jubileu da FMP

A supervisora geral da FMP/Fase, Maria Isabel de Sá Earp, anunciou as comemorações para o jubileu de ouro da Faculdade de Medicina de Petrópolis, durante o tradicional almoço de confraternização que reuniu os funcionários da instituição, em dezembro.  Entre as novidades estão as esculturas dos 50 anos, que serão disponibilizadas em pontos estratégicos do campus após receberem a intervenção de artistas da cidade.

Colaboradores reunidos durante o encerramento de 2016

Estrutura comemorativa de 50 anos


segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Programação da Semana de 15 a 21 de janeiro de 2017


PROGRAMAS PRODUZIDOS PELA FASE TV:
Programa EM QUESTÃO
Tema: Problemas no Desenvolvimento Dentário
Um antigo ditado popular já dizia: a saúde começa pela boca. Ter um sorriso saudável é muito mais do que uma questão estética. Uma dentição desenvolvida sem problemas e mantida com uma higiene adequada é um passo importante para a saúde do organismo como um todo. Uma periodontite, inflamação que começa na gengiva, se não for tratada da forma correta pode afetar até mesmo o coração, provocando uma “endocardite bacteriana”. Mas, e quando o problema acontece na fase de desenvolvimento dos dentes? Fatores hereditários, congênitos e até mesmo adquiridos podem levar a problemas na formação dentária. O episódio aborda essas questões, tendo como convidadas a professora e pesquisadora da Universidade de Aarhus, na Dinamarca, Dorte Haubek, especialista em distúrbios na formação dos dentes, a coordenadora do curso de Odontologia da FMP/Fase, Vera Soviero, e a professora da Faculdade de Odontologia da Universidade de Brasília, Soraya Leal.
Em Questão: Domingo, 21h
                     Segunda, 15h
                     Terça, 20h
                     Quarta, 18h
                     Quinta, 12h
                     Sexta, 9h e 21h
                     Sábado, 12h e 18h
                
Programa ARTE & CULTURA                
Tema: Daniel Miranda
O violonista Daniel Miranda chegou a dividir sua paixão pela música com a carreira de geógrafo (formado pela UFRJ), mas a vocação musical falou mais alto. Sorte de quem aprecia boa música, que pode continuar apreciando o trabalho do artista. O contato com as partituras começou bem cedo. Aos 12 anos, já estudava no Instituto Ian Guest, no Rio de Janeiro. Integrou o Rio Trio, de música de câmara, com o qual excursionou pelo Brasil e Estados Unidos.  O próximo destino foi a Europa: Em 2001, gravou em Bruxelas o primeiro de uma série de discos produzidos por gravadoras europeias. Em 2003, outro marco: participou do prestigiado espetáculo musical “Si c'est Chanté c'est pas Perdu”, na Bélgica. Daniel também participou de programas de world music e levou o projeto "O Brasil em 17 Cordas" para uma rede de escolas belgas, divulgando a música brasileira. De volta ao Brasil, foi contratado como professor pela Orquestra da Fundação Oswaldo Cruz e como concertista do Palácio Itaboraí Ensemble. Atualmente, está à frente dos projetos “Quartas Culturais” e “Concertos na Fiocruz”, que acontecem todo mês no Palácio Itaboraí, em Petrópolis.
Arte & Cultura – Domingo, 12h e 18h
                            Segunda, 18h
                            Terça, 9h e 21h
                            Quarta, 15h
                            Quinta, 20h
                            Sexta, 18h
                            Sábado, 9h e 21h

Programa MINUTO FASE
Tema:
22ª Semana Científica – Mostra de Trabalhos Científicos
A Mostra de Trabalhos Científicos da FMP/Fase começou antes mesmo da criação da Semana Científica. Em 2016, o evento chegou à sua 23ª edição. Desta vez, as atividades práticas inovadoras também foram incluídas na programação. Entre os trabalhos apresentados, uma experiência sobre como as relações sociais dos agentes comunitários de saúde interferem na qualidade de vida e no trabalho desses profissionais. Outras abordagens em destaque tiveram como temas a hipertensão pulmonar e a fraqueza dos músculos da face e dos membros superiores.
Minuto Fase: Nos intervalos, ao longo da programação.

Programa MINUTO FASE
Tema: I Simpósio de Saúde Baseada em Evidências
Divulgar a criação do Centro Afiliado Petrópolis, da Rede Cochrane no Brasil. Esse foi o objetivo do primeiro Simpósio de Saúde Baseada em Evidências, realizado na FMP/Fase. A Rede de colaboração Cochrane reúne de mais de trinta mil voluntários, médicos e pesquisadores de cento e vinte países. A meta é aprimorar o atendimento médico com base na análise dos estudos existentes e também na resposta dos pacientes aos tratamentos.  A rede proporciona a integração, a troca de experiências e a atualização de conhecimento, a partir da revisão sistematizada das publicações científicas. A estrutura da Cochrane no Brasil prevê a criação de cinco centros afiliados no país. Um deles já está em funcionamento na FMP/Fase, a mais nova parceira da rede. O simpósio marcou ainda a fundação da Liga de Saúde Baseada em Evidências da FMP/Fase.
Minuto Fase: Nos intervalos, ao longo da programação.
             

        Programa AO REDOR
Tema: Tartarugas marinhas
O programa mostra projetos comunitários de preservação da maior tartaruga marinha, a de couro, no segundo principal berçário da espécie no planeta: as ilhas de Trinidad e Tobago, no Caribe. 
Ao Redor: Terça, 14h30
                
Sexta, 10h
                 Domingo, 13h
          
FAIXA INTERATIVA -

DOMINGO – ARTE & CULTURA – GIGANTE DO PAPELÃO

SEGUNDA – EM QUESTÃO – MEDICINA BASEADA EM EVIDÊNCIAS  
TERÇA – ARTE & CULTURA – LUÍS LAGE: ARTE GEOMÉTRICA + GASTRONIMIA E ARTE
QUARTA – EM QUESTÃO – MEDICINA REGENERATIVA
QUINTA – ARTE & CULTURA – EUGÊNIO FERNANDES + SÉRIE MULHERES: NEIVA VOIGT
SEXTA –  EM QUESTÃO – TRANSEXUALIDADE
SÁBADO – ARTE & CULTURA – MARCELO MELLO JUNIRO + MULHERES NA ARTE: SIGRID HAACK
Faixa Interativa: Diariamente em quatro horários: 5h, 11h, 17h e 23h


PROGRAMAS PRODUZIDOS POR PARCEIROS DA FASE TV:


Programa TOME CIÊNCIA             
Tema: Tecnologia e seu impacto na saúde   
A evolução da ciência nos últimos anos fica mais evidente na saúde, onde é inegável a importância da tecnologia – que é ciência aplicada – na melhoria da qualidade de vida no mundo todo. Remédios, vacinas, anestésicos; ressonância magnética, ultrassonografia, tomografia computadorizada – são muitas as opções para diagnóstico e cura. Existem ainda os exemplos de equipamentos voltados para terapias, como os que permitem a fragmentação de pedras nos rins, a hemodiálise, o cateterismo, endoscopia, cirurgias minimamente invasivas, feitas com auxílio de câmaras minúsculas, e muito mais. Mas será que nosso país tem profissionais capazes de produzir e manter esta tecnologia, muitas vezes importada, em hospitais de todo o imenso território brasileiro? E o acesso? Estará ao alcance de todos? O Sistema Único de Saúde tem como garantir a universalização desses avanços científicos? Esses questionamentos partem dos próprios cientistas da Sociedade Brasileira de Engenharia Biomédica, pois foram eles que sugeriram e se dispuseram a debater o assunto, pois as sociedades vinculadas à Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência – a SBPC – participam do Conselho Científico do Tome Ciência sugerindo assuntos e indicando convidados.
TomeCiência:Quarta,21h                                                                                          Domingo, 15h


Programa LIGADO EM SAÚDE           
Tema: Cuidados no mar, rios e piscinas

A apresentadora Marcela Morato conversa com o diretor médico da Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático (SOBRASA), David Szpilman, sobre os cuidados que devemos ter no mar, nos rios e nas piscinas para não sofrermos um afogamento. O nosso convidado dará orientações específicas para quem quer curtir o verão sem surpresas desagradáveis. Também iremos aprender o que fazer caso estejamos nos afogando e como prestar socorro se presenciarmos um afogamento.
Ligado em Saúde: Terça, 8h

    Quarta, 14h       
    Domingo, 19h30

Programa CIÊNCIA & LETRAS                 
Tema: Tendências em educação matemática   
O programa vai abordar o livro "Tendências na Educação Matemática: percursos curriculares brasileiros e paraguaios", que compara os currículos do ensino de matemática do Brasil e do Paraguai. O apresentador Renato Farias conversa sobre o assunto com o autor da publicação, o doutor em Educação Matemática pela PUC - SP, Marcelo Dias, e a mestre em Ensino de Matemática pelo Instituto de Matemática da UFRJ, Gisela Pinto.
Ciência & Letras: Domingo, 14h
                             Segunda, 13h
                             Quinta, 19h30


Programa CANAL SAÚDE NA ESTRADA                                          
Tema: Juiz de Fora - MG
Em Juiz de Fora, a Unidade Básica de Saúde do Bairro Santa Cecília realiza oficinas de Culinária para diabéticos e seus cuidadores. E ainda, o programa Esporte e Cidadania, promovido pela Secretaria de Esporte e Lazer, onde os usuários buscam a melhoria das condições emocionais, físicas e sociais de jovens e adultos através da prática de esportes e atividades físicas, respeitando a pluralidade cultural.
Canal Saúde na Estrada: Segunda, 19h
                                         Sábado, 14h30

Programa EM FAMÍLIA                      
Tema: Voluntários
Fazer trabalho voluntário é uma forma de espalhar amor, ajudando a quem precisa doando o próprio tempo. Ser voluntário, além de boa vontade, requer dedicação. Mas já é sabido que o esforço costuma ser tão gratificante que é recompensado até com a melhora da saúde física e mental de quem se doa. No programa, você vai conhecer o trabalho de voluntários e saber como eles lidam com os desafios enfrentados nas mais diversas situações.
Em Família: Quarta, 16h
                    Domingo, 22h

Programa UNIDIVERSIDADE                            
Tema: Desmilitarização da polícia – Parte 1
O programa vai abordar a proposta de desmilitarização da polícia, defendida por alguns setores da sociedade. Vai mostrar quais são as propostas e como ficaria a força policial caso essas medidas fossem adotadas.
Unidiversidade: Quinta, 16h
                          Domingo, 14h30

Programa HISTÓRIAS DE MÃE
Tema: Natação para crianças e mais “Doutor Google”
No programa você vai conferir uma aula de natação para bebês. Saiba os benefícios, e a partir de que idade a criança pode praticar a atividade. Temos também a segunda parte da entrevista com a pediatra Maria Beatriz Ribeiro Eckhardt, sobre as perguntas mais buscadas no google quando o assunto é criança. Ser mãe é muito bom e cada mãe tem a sua maneira de explicar esse sentimento. Nessa semana a mãe da Isabela, do Pedro e do Davi, conta pra gente. Eu pedi para as mamães mandarem as fotos dos pequenos curtindo as férias?! Então, é essa semana! Vamos mostrar como essa galerinha se diverte. Tem criança na piscina, na praia, no parque, no cinema, com os amigos, os primos, curtindo a casa da vovó e até fingindo que é o papai. 
Histórias de Mãe: Quarta, 20h30
                              Domingo, 13h30
Programa FASE.DOC - ONU
Tema: A longa luta dos norte-coreanos por liberdade
Da Coreia do Norte, uma jovem e corajosa mulher fala sobre sua fuga e sua determinação para acabar com o sofrimento que vivia neste país asiático e os esforços para trazer os responsáveis à justiça. Confira neste documentário especial da TV ONU tudo sobre a Coreia do Norte, que acumula graves e sistemáticas violações dos direitos humanos.
FASE.Doc: Terça, 18h
                  Domingo, 20h

Programa FASE.DOC – ONU
Tema: Realidade de trabalhadoras domésticas negras e indígenas
Parte da série jornalística "Trabalho doméstico, Trabalho decente", este especial retrata a realidade de trabalhadoras domésticas negras e indígenas do Brasil, Bolívia, Guatemala e Paraguai na busca por direitos, respeito e dignidade. O documentário traz visibilidade para as oportunidades e desafios dos países na promoção dos direitos econômicos e do empoderamento das mulheres.
FASE.Doc: Terça, 18h
                 Domingo, 20h


Programa SALA DE CONVIDADOS
Tema: Redes de solidariedade  
Ser solidário faz bem à saúde. A frase soa como clichê, mas é comprovada por pesquisas científicas. O programa vai falar sobre Redes de Solidariedade.
Sala de Convidados: Segunda, 21h
                                  Sábado, 15h

Programa: BATE-PAPO NA SAÚDE
Tema: 7º Simpósio Brasileiro de Vigilância Sanitária – Parte 2
No 7º Simpósio Brasileiro de Vigilância Sanitária, o Simbravisa, que aconteceu entre 26 e 30 de novembro, em Salvador (BA), o apresentador Renato Farias conversa com o professor Jairnilson Paim sobre os assuntos discutidos no evento.
Bate-papo na Saúde: Quinta, 8h30
                                   Sábado, 19h

  
Programa: CURTA AGROECOLOGIA
Tema: Minha vida
"Minha vida é no meio do mundo" conta a história de mulheres agricultoras da região da Borborema, na Paraíba, que enfrentaram a desvalorização de seu trabalho e a violência doméstica. Organizadas no Polo Sindical da Borborema, com a assessoria da AS-PTA - organização não governamental que promove a agricultura familiar e a agroecologia - essas mulheres transformaram suas vidas. Foram capazes de valorizar o "arredor de casa", espaço tradicionalmente gerido pelas mulheres, que hoje gera renda para a família. Essas mudanças, contudo, trouxeram conflitos com a cultura machista da região.
Curta Agroecologia: Segunda, 16h
                                  Sábado, 22h


Veja também os noticiários: Resumo da ONU e Em Pauta na Saúde em quatro horários: 4h30, 10h30, 16h30 e 22h30


terça-feira, 10 de janeiro de 2017

FMP/Fase com novas páginas no Facebook



Devido a problemas técnicos do Facebook, nós perdemos o acesso as nossas páginas (FMP/Fase e FASE TV) em novembro de 2016. Desde então, estamos fazendo o possível para recuperá-las. Mas, enquanto o problema não é resolvido, criamos novas páginas. Tudo para que todos continuem inteirados sobre as ações a FMP/Fase vem realizando.

Para acessar a página da FMP/Fase, clique aqui! 

Para acessar a página da FASE TV, clique aqui! 

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Programação da Semana de 08 a 14 de janeiro de 2017



PROGRAMAS PRODUZIDOS PELA FASE TV:

Programa EM QUESTÃO
Tema: A criminalidade e o sistema prisional
O Brasil possui a quarta maior população carcerária do mundo: mais de meio milhão de pessoas. 37% a mais que a capacidade das mil e quatrocentas unidades prisionais espalhadas pelo país. Nesse cenário de superlotação, rebeliões, facções organizadas e corrupção de agentes públicos, presos provisórios convivem com detentos já condenados. O tema em questão hoje é: A Criminalidade e O Sistema Prisional. Nosso convidado é o delegado Orlando Zacone D’Elia Filho, ele que é Mestre em Ciências Penais e também Doutor em Ciências Políticas.
Em Questão: Domingo, 21h
                     Segunda, 15h
                     Terça, 20h
                     Quarta, 18h
                     Quinta, 12h
                     Sexta, 9h e 21h
                     Sábado, 12h e 18h
                
Programa ARTE & CULTURA                
Tema: Daniel Miranda
O violonista Daniel Miranda chegou a dividir sua paixão pela música com a carreira de geógrafo (formado pela UFRJ), mas a vocação musical falou mais alto. Sorte de quem aprecia boa música, que pode continuar apreciando o trabalho do artista. O contato com as partituras começou bem cedo. Aos 12 anos, já estudava no Instituto Ian Guest, no Rio de Janeiro. Integrou o Rio Trio, de música de câmara, com o qual excursionou pelo Brasil e Estados Unidos.  O próximo destino foi a Europa: Em 2001, gravou em Bruxelas o primeiro de uma série de discos produzidos por gravadoras europeias. Em 2003, outro marco: participou do prestigiado espetáculo musical “Si c'est Chanté c'est pas Perdu”, na Bélgica. Daniel também participou de programas de world music e levou o projeto "O Brasil em 17 Cordas" para uma rede de escolas belgas, divulgando a música brasileira. De volta ao Brasil, foi contratado como professor pela Orquestra da Fundação Oswaldo Cruz e como concertista do Palácio Itaboraí Ensemble. Atualmente, está à frente dos projetos “Quartas Culturais” e “Concertos na Fiocruz”, que acontecem todo mês no Palácio Itaboraí, em Petrópolis.
Arte & Cultura – Domingo, 12h e 18h
                            Segunda, 18h
                            Terça, 9h e 21h
                            Quarta, 15h
                            Quinta, 20h
                            Sexta, 18h
                            Sábado, 9h e 21h
                           


Programa AO REDOR
Tema: Papo reto
O episódio apresenta um exemplo do programa conjunto da ONU “Segurança com Cidadania”: o projeto Papo Reto, desenvolvido na Grande São Pedro, próxima a Vitória, no Espírito Santo. A iniciativa tem como meta reduzir em 25% a taxa de homicídios de jovens entre 15 e 24 anos até 2016. Um dos focos principais do trabalho é acabar com a rejeição da comunidade em relação às forças policiais, mostrando um outro lado dos profissionais de segurança.
Ao Redor: Terça, 14h30
                 
Sexta, 10h
                 Domingo, 13h
          
Programa MINUTO FASE
Tema: Outubro Rosa 2016
O movimento Outubro Rosa nasceu nos Estados Unidos na década de 1990 com o objetivo de estimular a participação da população no controle do câncer de mama. Em Petrópolis, uma caminhada pelas ruas do centro da cidade marcou o encerramento da série de atividades de conscientização. A FMP/Fase participou da Caminhada Rosa de 2016. Integrantes da Liga da Saúde da Mulher, da Unidade de Saúde da Família Estrada da Saudade e funcionários da faculdade participaram do evento. Organizada pela APPO, Associação Petropolitana dos Pacientes Oncológicos, a caminhada conta com a participação de ex-pacientes que passaram pelo tratamento, venceram a doença, e hoje são chamadas de “vitoriosas” pelo grupo. Elas ajudam no trabalho de conscientização sobre a importância da detecção precoce do câncer de mama.
Minuto Fase: Nos intervalos, ao longo da programação.

Programa MINUTO FASE
Tema: Seminário de grupos de pesquisa – 22ª Semana Científica FMP/Fase
Na 22a edição da Semana Científica da FMP/Fase, os grupos de pesquisa da faculdade, formados por alunos e professores de graduação e pós-graduação, apresentaram seus trabalhos. Uma das áreas de interesse é o impacto da utilização de agrotóxicos na saúde dos trabalhadores rurais. O Brasil é um dos países onde mais se aplica defensivos químicos na agricultura. São 914 mil toneladas de agrotóxicos por ano. A pesquisa apresentada analisou a comunidade agrícola do Caxambu, em Petrópolis. O principal foco de investigação foi a incidência de doenças inflamatórias intestinais nesse grupo. Os agricultores podem absorver substâncias nocivas presentes nos agrotóxicos não só durante a aplicação dos produtos na lavoura, mas também no contato com a água ou o solo contaminado. A análise é feita com a coleta periódica de amostras fecais desses trabalhadores.
Minuto Fase: Nos intervalos, ao longo da programação.


FAIXA INTERATIVA -

DOMINGO – ARTE & CULTURA – MBYÁ REKÓ: O JEITO DE SER GUARANI

SEGUNDA – EM QUESTÃO – TRABALHO TEMPORÁRIO  
TERÇA – ARTE & CULTURA – MAURÍCIO DE MEMÓRIA: HISTÓRIA & ARTE
QUARTA – EM QUESTÃO – FOME DE CONHECIMENTO
QUINTA – ARTE & CULTURA – CULINÁRIA DA SERRA + CALEBE PIMENTEL
SEXTA –  EM QUESTÃO – MULHERES E HORMÔNIOS
SÁBADO – ARTE & CULTURA – CORAL DAS MENINAS DOS CANARINHOS DE PETRÓPLIS + BRUNO SAGLIA: DIREÇÃO DE CINEMA
Faixa Interativa: Diariamente em quatro horários: 5h, 11h, 17h e 23h


PROGRAMAS PRODUZIDOS POR PARCEIROS DA FASE TV:


Programa TOME CIÊNCIA             
Tema: Obesidade, uma doença de peso    
Nos Estados Unidos, uma em cada três pessoas sofre de obesidade. Esse número impressionante é um alerta para todo o mundo, uma vez que esta é uma tendência que propaga-se rapidamente, inclusive em países menos desenvolvidos. Numa época em que a expectativa de vida aumenta, a obesidade passou a ser o vilão do momento, segundo a Organização Mundial de Saúde, superando a desnutrição e as doenças infecciosas. Por que os nossos hábitos alimentares mudaram? A cura existe ou basta uma operação de redução de estômago? A multiplicidade de dietas e modismos sem bases científicas. Não deixe de assistir a essa importante discussão que provavelmente afeta você, um amigo ou alguém de sua família.
TomeCiência:Quarta,21h                                                                                                         Domingo, 15h


Programa LIGADO EM SAÚDE           
Tema: Como falar de morte com crianças?
Conversar sobre morte não é das coisas mais simples nem com adultos, mas não é por isso que o assunto deve ser evitado com crianças. Muitas vezes a necessidade vem da perda de um parente ou amigo próximo da família. O programa vai ajudar a saber como abordar esse assunto com os pequenos e explicar que mentir ou negar não são boas opções. Para falar sobre o assunto, a apresentadora Marcela Morato recebe a psicanalista Sônia Motta.
Ligado em Saúde: Terça, 8h
    Quarta, 14h       
    Domingo, 19h30

Programa CIÊNCIA & LETRAS                 
Tema: Um novo olhar sobre gravidez na adolescência  
O livro “Pronto para voar: um novo olhar sobre a gravidez na adolescência" é o tema do programa. A publicação questiona o senso comum que afirma que a falta de informação seria responsável pelo crescimento do número de adolescentes grávidas e discute outras possíveis motivações das jovens que engravidam como carências afetivas e dificuldades no relacionamento familiar. O apresentador Renato Farias recebe no estúdio a autora do livro, a psicanalista Diana Dadoorian e a pediatra do Instituto Nacional da Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira (IFF/Fiocruz), Olga Bastos.
Ciência & Letras: Domingo, 14h
                             Segunda, 13h
                             Quinta, 19h30


Programa CANAL SAÚDE NA ESTRADA                                          
Tema: Recife - PE/ Quipapá, Escada e Camutanga
A equipe do Canal Saúde na Estrada foi a Pernambuco conhecer experiências bem sucedidas do Sistema Único de Saúde (SUS) na capital e no interior do estado. No Recife, o programa mostra um centro de referência do SUS no atendimento à mulher, o Hospital da Mulher do Recife, que realiza atendimento integral e humanizado às mulheres. Já no interior de Pernambuco, nos municípios de Quipapá, Escada e Camutanga, o Canal Saúde na Estrada conhece o Programa Estadual de Combate a Doenças Negligenciadas, que vem recebendo mais atenção com o projeto Sanar, dedicado desde 2011 a sete doenças negligenciadas, como a doença de Chagas e o tracoma.
Canal Saúde na Estrada: Segunda, 19h
                                         Sábado, 14h30

Programa EM FAMÍLIA                      
Tema: Quem fica com meu filho?
O programa vai falar sobre a situação dos pais que precisam deixar os filhos com outras pessoas para trabalhar. Babás, creches e creches parentais, nas quais os pais se revezam para que cada um cuide dos filhos de outros em dias alternados, estarão em discussão. O episódio também debate quais as implicações dessas formas de cuidado da vida contemporânea para a educação das crianças.
Em Família: Quarta, 16h
                    Domingo, 22h

Programa UNIDIVERSIDADE                            
Tema: Desmilitarização da polícia – Parte 1
O programa vai abordar a proposta de desmilitarização da polícia, defendida por alguns setores da sociedade. Vai mostrar quais são as propostas e como ficaria a força policial caso essas medidas fossem adotadas.
Unidiversidade: Quinta, 16h
                              Domingo, 14h30

Programa HISTÓRIAS DE MÃE
Tema: Lanche saudável e “Doutor Google”
No programa dessa semana vamos mostrar que criança pode ajudar a preparar o seu lanche e de maneira saudável. Eles vão produzir três receitas super gostosas que você pode fazer em casa com o seu pequeno. Sabia que o Google realizou uma pesquisa e divulgou 20 perguntas mais buscadas na internet quando o assunto é criança? Encontrei essas perguntas e fui conversar com a pediatra, Maria Beatriz Ribeiro Eckhardt, sobre algumas dessas dúvidas. E ainda tem mais! Será que a cinta ajuda no pós-parto? O uso dela não é unânime entre as mães. Temos essa dica de saúde com a dermatologista, Luciana Velloso. E ainda, dicas de nome para o seu bebê com origem e significado.
Histórias de Mãe: Quarta, 20h30
                              Domingo, 13h30
Programa FASE.DOC - ONU
Tema: Uruguai 40 anos depois: Vítimas ainda procuram a verdade e a justiça
O Uruguai era conhecido como uma das “câmaras de tortura da América Latina” durante os anos 1970 e 1980, sob a ditadura. Agora, os sobreviventes e parentes dos desaparecidos estão pressionando para obter a verdade sobre o que aconteceu durante aqueles sombrios anos.
FASE.Doc: Terça, 18h
                  Domingo, 20h

Programa FASE.DOC – ONU
Tema: Suicídio e desespero entre os indígenas do Brasil
Muitos jovens indígenas estão encontrando uma maneira definitiva de escapar do desespero: o suicídio. Por trás dessa tendência perturbadora estão os conflitos por terra.
FASE.Doc: Terça, 18h
                 Domingo, 20h

Programa FASE.DOC – ONU
Tema: Capoeira, promovendo a diversidade e combatendo o racismo e outras formas de preconceito
A capoeira é uma prática cultural afro-brasileira com múltiplas facetas, sendo tanto uma luta quanto uma dança. Ela é compreendida como folclore, esporte e arte. A Roda de Capoeira é onde o jogo acontece. Em novembro deste ano, a Roda de Capoeira foi declarada pela UNESCO um Patrimônio Imaterial da Humanidade. Duas dimensões estão sempre presentes: o lado lúdico da celebração, da diversão, e o outro lado, da resistência negra e da reação ao sistema opressivo escravocrata. De raízes africanas, a capoeira é brasileira, uma rica herança cultural e não tem tradução: para cantar em uma roda de capoeira, os capoeiristas devem aprender o português.
FASE.Doc: Terça, 18h
                 Domingo, 20h


Programa SALA DE CONVIDADOS
Tema: O luto nas redes sociais  
2016 foi marcado por uma grande tragédia que abalou o país com as mortes de jornalistas e quase o time inteiro da Chapecoense em um acidente aéreo na Colômbia. O luto coletivo por esse desastre pode ser observado nas redes sociais. Mas além do luto demonstrado em grandes tragédias ou nas mortes de figuras marcantes como artistas e políticos, o luto também se manifesta nas redes nos falecimentos de parentes, amigos e conhecidos. O Apresentador, Renato Faria conversa com a psicóloga, doutora em Psicologia Clínica de Casal e Família pela PUC Rio, Sandra Rodrigues de Oliveira, a doutora em psicologia, Mariana Matos e a professora de História da UNIRIO e editora-chefe da Revista M. Estudos sobre a morte, os mortos e o morrer, da UNIRIO, Claudia Rodrigues.
Sala de Convidados: Segunda, 21h
                                  Sábado, 15h

Programa: BATE-PAPO NA SAÚDE
Tema: 7º simpósio Brasileiro de vigilância sanitária      
O programa vai falar sobre o 7º Simpósio Brasileiro de Vigilância Sanitária, o Simbravisa, que aconteceu entre 26 e 30 de novembro em Salvador (BA). O apresentador Renato Farias conversa com a presidente do 7º Simbravisa, Gisélia Santana, sobre como foi a organização do evento frente às dificuldades que envolvem o momento político e econômico do país.
Bate-papo na Saúde: Quinta, 8h30
                                   Sábado, 19h

  
Programa: CURTA AGROECOLOGIA
Tema: Sempre viva
"Sempre Viva", mostra a luta das comunidades tradicionais da Serra do Espinhaço em defesa de seu território e modo de vida. Há séculos essas pessoas apanham flores e frutos secos do cerrado nas campinas da região de Diamantina. Cultivaram esses ambientes e ajudaram a preservá-los durante séculos, mas unidades de conservação ambiental criadas nos últimos anos impedem seu acesso a seu território tradicional.
Curta Agroecologia: Segunda, 16h
                                  Sábado, 22h


Veja também os noticiários: Resumo da ONU e Em Pauta na Saúde em quatro horários: 4h30, 10h30, 16h30 e 22h30